sexta-feira, novembro 24, 2006

Pôs-me a pensar...

Um amigo uma vez disse-me numa conversa, assim de repente, assim descontextualizado :

-Já viste o que já fiz por ti?
-Mas o que é que fizeste por mim?
-Não é essa a pergunta que deves fazer… Deves perguntar-te porque é que eu não fiz nada por ti…e assim vês que já fiz alguma coisa…
- (????)
-Tal como as hipóteses, nós á partida procuramos falsificar aquilo que vai contra o que estamos a testar. Se não o conseguimos fazer é porque a nossa hipótese estava correcta (é assim que vemos a sua veracidade!)

Ele pôs-me a pensar
Pois é…
Muitas das vezes nem sempre fazemos as perguntas certas…
Quando nos centramos demasiado num aspecto descentramo-nos de todos os outros…
E não nos apercebemos do âmago das questões… Ou de outras vertentes das questões que podem ser relevantes para o caso!
Muitas das vezes não fazemos as perguntas certas…
E eu arriscar-me-ia a dizer: maior parte das vezes.
O que é certo é que ele pôs-me a pensar…
E quando muito cheguei a 1 conclusão…
Tenho amigos esquisitos… e põe esquisito nisso…

3 comentários:

Advocat disse...

Apesar de nao ter dito aquilo, assumo-me como esquisito (sem me assumir como teu amigo :P)
O âmago, o cerne, o busilis da questao...
gostei de ler... mas estou demasiado estupido para fazer um comentario decente.
bj

Maria disse...

Olha-me este... também me tás a querer pôr a pensar! :)
Então vamos tentar por aquilo a que chamo uma abordagem diferente: "Comer e calar!":
ÈS MEU AMIGO ÈS.:)e mais nada!
E agr tira as elações que quiseres.:)

P.S: Não é qq 1 k utiliza no seu vocabulário "busilis"..
Esquisito ãn.
:)

An@ disse...

Isto faz-me lembrar, mais uma vez, um lugar cheio de fotos, duas pessoas sentadas num banco de madeira a conversas e a descascar amendoins... lembra-te qualquer coisa?
Mesmo assim, é bom voltar a "ouvir" esta pequena grande história de amigos esquisitos que tornam as coisas bem diferentes, mostram outro ponto de vista/ângulo de visão...

Será que também não tenho uma amiga esquisita com amigos esquisitos? ;) Os amigos conseguem sempre fazer-nos pensar nas coisas (até aquele que te deixam de jornal na mão com um texto... tu sabes do k estou a falar;) mais n digo!)

****